domingo, 21 de abril de 2013

A PRAGA DO BICUDO DAS PALMEIRAS JÁ CHEGOU À TAPADA DAS NECESSIDADES


 As duas Palmeiras-das-Canárias abatidas, uma no Jardim Olavo Bilac e outra no Jardim dos Cactos, são a prova triste mas evidente de que a Praga do Escaravelho Vermelho das Palmeiras (Rhynchophorus ferrugineus) já se instalou na Tapada das Necessidades, não obstante o esforço desenvolvido pelos Serviços de Ambiente e Espaços Verdes da CML para o evitar.
 
O processo de controlo da praga é complexo dada a especificidade do insecto, com 3 ou mais gerações anuais e um ciclo de vida compreendido pelos estados de ovo, larva, pupa e adulto, presentes durante todo o ano em galerias no interior do espique das palmeiras atacadas.
 
Tem-se verificado um acentuado agravamento da situação da Praga em Lisboa, tendo aumentado o número de palmeiras afectadas e verificado uma maior dispersão. O número de Freguesias afectadas pelo ataque do insecto, mais do que triplicou relativamente ao ano de 2011. A praga encontra-se actualmente presente em 40 freguesias da cidade, contra as treze freguesias com ocorrências da praga no ano de 2011.
 
Na Freguesia dos Prazeres verificou-se a presença de 10 palmeiras afectadas em jardins privados e 8 em espaços públicos, com um total de ocorrências de 18 palmeiras sinalizadas.
 
Pinto Soares
 
 

Sem comentários: